03/07/2011

As línguas Neo-Latinas

    Quando um povo domina outro, os vencedores impõem aos vencidos a sua língua, os costumes, as suas leis. É  natural que os povos de hábitos e costumes tão diferentes e também de língua, venham a falar um latim profundamente modificado.
    A língua latina dos soldados romanos sofreu, nas diversas regiões, transformações profundas e acabou por divergir das formas originais, originando assim outras línguas, embora mantendo a mesma estrutura, mas com aspectos formais diversos: o português, o espanhol, o catalão - na Península Ibérica: o provençal e o francês - na Gália: o italiano - na Península Itálica: o romeno e o rético - na antiga Dácia: o sardo - na Sardenha.